A gestante após o parto – Dicas esquecidas

Tempo de leitura: 3 minutos

A gestante detém boa parte das atenções pra ela. Todos prestam atenção na mamãe da criança que vai nascer, concorda? O que vamos falar a seguir é comum e é um caso extremamente importante.

Você que é mãe, deve saber do que estamos falando, não é? Nesse momento, a gestante se sente realmente importante, porque as pessoas mostram isso, no dia a dia. São visitas, telefonemas, conversas aos montes com a futura mamãe da criança que já está a caminho.

São 9 meses assim. Puro afeto e relações cada vez mais estreitas com as pessoas que ama. Esta é a vida da futura mamãe, por quase 1 ano. Mas e depois? E quando a criança nasce? O que acontece quando os olhos já não se voltam mais tanto para a barriga da gestante, mas sim para a criança que acaba de nascer?

A gestante que ficou esquecida

Bem, aqui existe um problema bem comum. Acontece que as mamães passam a se acostumar com o carinho das pessoas durante esse tempo. De uma hora pra outra, tudo acaba. É preciso cuidar da mamãe. Ela também é muito especial. Este post é um lembrete, por tantas mães que acabam “caindo no esquecimento” de pois que a criança nasce. Um duro golpe.

mãe e o filho

É preciso olhar para o sentimento dessas mães que dão de tudo pelos seus filhos, mas essas atitudes, infelizmente são, muitas vezes, imperceptíveis. Dessa forma, os telefonemas não são mais para perguntar da mamãe, mas sim da criança que nasceu. Quantas vezes você já viu casos como este?

É preciso cuidados com a mamãe

A criança é uma grande beleza, claro. Deve, com certeza ser exaltada, mas é muito sério isso que acontece com muitas mulheres por aí. Experimente não ser reconhecida pelo que faz? Trocar fraldas, ficar noites sem dormir para acompanhar o sono da criança, quando esta resolve dormir. Pois é. Não é fácil.

Sempre que avistar uma mamãe por aí, faça este exercício. Se você é mãe, com certeza já teve vontade de explicar isso para amigos e familiares, não é mesmo? E talvez esse seja um ótimo caminho. Explique sobre seus cuidados e que às vezes sente, sim, falta de ser reconhecida como uma mãe zelosa. Usando as palavras certas e com cautela, você conquistará aliados, ao invés de pessoas que só fazem aumentar essa sensação estranha.

Fale apenas o necessário

Além disso, talvez muitas pessoas não saibam ou não tenham essa percepção, mas algumas recomendações sem sentido podem irritar ou chatear a mamãe. Por isso, é preciso que as pessoas pensem bem nisso, antes de comeer algum equívoco. Se você é mãe, que tal recomendar este post a alguém, de forma cordial e educada. Com certeza a pessoa vai entender o seu momento.

Tem outro ponto que merece atenção. Ao recomendar algo sem sentido, existem, em verdade, dois erros de uma vez: A recomendação em si e o esquecimento daquilo que é importante para a mãe: Atenção genuína. Afinal, muitas dessas recomendações ou avisos, visam apenas o bebê em si. Assunto delicado, né? Somos seres humanos. É preciso saber lidar com isso, sem dúvidas.

Uma última dica

Não deixe de ler nosso artigo sobre os primeiros cuidados na gravidez. Certamente, você também vai gostar muito.

Fique à vontade para exprimir sua opinião sobre isso. Fale pra nós sobre suas experiências com relação a isso. Você já passou por isso? Já viu alguma mamãe passar por este tipo de situação? Comente!

A gestante após o parto – Dicas esquecidas
5 (100%) 1 vote